Virada Cultural. org

Ishhhh……………..cheguei…

Por um momento pensei que não conseguiria…é um grande evento, confesso, mas São Paulo merece uma  organização melhor.

Apesar de bem policiado e sem grandes ocorrências, não se pode  ignorar alguns tumultuos  por conta da excessiva venda livre de bebida alcoólica e consumo de drogas ! Vamos fazer de conta que não vimos nada,  mas mentiroso é aquele que disser não reconhecer aquele cheirinho bom da fumacinha… daquele cigarrinho… ainda  proibido…  saindo daqui e dali na maior, e mais a bebida rolando solta pra maiores e menores.

Politicamente: incorreto!

E hipócritas seremos se dissermos não acreditar que ali esteja rolando um grande tráfico de drogas químicas e um superlativo consumo por entre os mais jovens e gente de todas as idades. Passam por nós um éter, um álcool,  um cigarro e aquele um, que bem mexem com a lembrança de até os mais esquecidos…  o lança perfume universitário, ao vivo ali,  em pleno metrô.

Tudo muito democrático,  gente bonita desfilando por entre moradores de rua embevecidos pelo incomodo do evento que lhes tira o conforto da rua e  a privacidade de uma boa noite de sono.

O mundarel de gente que se encontra num vai e vem  está ali para brindar a Cultura, não pelo cardápio oficial, mas pela liberdade de poder se expressar, cada qual com a sua linguagem multi-todas-as-coisas, todas as cores e todos os estilos, todos os credos  e todas as filosofias que se possa imaginar.

Ali ninguém tem sexo, idade, raça, religião… tá todo mundo atrás de diversão, conhecimento, aprendizado, conceito, liberdade, expressão.

É muita gente. Um mar de gente. Um exército de gente!

Só que…

…o som dos palcos vaza,  de um para outro… a música se cala de tempo em tempo… o que  não faz sentido.

Os palcos deveriam ficar sempre fechando as ruas para evitar o confrontro das tribos.

As percussões se misturam porque os graves transitam entre os prédios… talvez inevitável… os palcos ficam perto demais.  Só um pouquinho mais de dedicação na organização e o evento se mostraria a que veio.

Mas o que eu vi foi uma grande confusão de gente indo e vindo sem saber pra onde, não consegui ver show nenhum, muita gente bebendo e caindo;  apesar dos banheiros químicos, muita “gente” fazendo xixi na rua… jogando papel ,  latinhas, lixo…muito lixo nas ruas.

No ano que vem, gostaria muito de poder participar de um evento mais organizado…para um povo mais educado….desculpem tô quebrada,  preciso  dormir…

Anúncios