Sandra Barbosa de Oliveira 2

Ave Maria …

Anúncios
Sandra Barbosa de Oliveira 2

O velho bar

Conheci o pianista no belo e velho bar. O amor começou ali mesmo em meio a notas musicais. As vidraças embaçavam com o frio da madrugada. Meu coração pulsava tanto que ritmava as melodias que o coro das vozes embriagadas murmuravam pelas línguas enroladas. No olhar do pianista só meus olhos a fitar as suas mãos. Seu sorriso desnudava um beijo que da minha boca roubava à meia luz esfumaçada por fumaça de cigarro.
E foi assim que a vida girou em ciranda. Com a música a roubar meu homem, que na verdade nunca fora meu.

Sandra Barbosa de Oliveira 2

Confissões de uma gata

Eu não tô fazendo charme
Você sabe muito bem o que eu quero,
e o que eu não quero.
Quero serenidade,
não quero obrigações !!!

É muito simples
Sou só simplicidade
Nada complexo:
Quero estar bem comigo
pra poder aproveitar você.

Isso é só uma poesia …
Não quero nada além
de poesia …
– Deixe-me amar você !!! …

Deixe-me pensar em você na cama
na tua pele, no teu cheiro
Nos teus olhos a me olhar.
No teu toque arrepiar
com tua voz me falando baixinho …

Eu chego a sentir tua pele
em minhas mãos
Tua barba cutuca, ai !!! …

Eu não quero pensar em mais nada
não se sinta um objeto …
sinta-se o complemento do verbo

Porque tudo é muito bom
o estar com você
ficar com você
me enrolar em você …
sentir saudade !!! …

Miau