Sandra Barbosa de Oliveira 2

Poder dizer

Aos 54, a idade não me permite permitir as desavenças.
Tenho dicernimento às questões da vida. A maturidade e a vivência nas quais me lancei sem medo me fizeram aprender bem o que é certo e o que é errado. Minhas realizações eu devo à coragem que me impulsiona.
Fiz história. Digo com firmeza que vivo de maneira honesta, primo pela lealdade e acho que já deu pra saber o que quero e principalmente o que não quero desta vida. Sou uma pessoa íntegra, mãe, mulher e filha dedicada e sensível. Desde criança cumpro com minhas responsabilidades e aprendi desde muito cedo que existe um único ingrediente para se estabelecer uma verdadeira amizade, o respeito mútuo.
Poder me aproximar de amigos queridos é o que considero uma dádiva. Amar sem compromisso, me entregar a sentimentos envoltos em pureza sempre foi uma afirmação e é por isso, e apenas por isso, que estou sempre rodeada de gente de bem. Poder usufruir da hospitalidade daqueles a quem considero meus verdadeiros amores é poder adormecer enroladinha num edredon dentro do coração de alguém.
E é por essa graça que me sinto quase que 100% acolhida, o que faz de mim uma pessoa 100% feliz.
Estou serena e me sinto realizada. Não tenho desafetos, não tenho tempo para discórdia e afasto de mim todo tipo de loucura, porque de louco aqui eu já me basto!
Um bom dia a todos com a imensidão do alvorecer do céu de Brasília e uma grande revelação… só conseguimos saber o que é o amor ao nos sentimos de verdade dentro do coração de alguém…
não é Chris? …

Anúncios